© 2018 por Nalini Ruguê. Orgulhosamente criado com Wix.com

RECEBA MEUS EMAILS

Ayurveda 

Uma breve explicação sobre o Ayurveda

Segundo o Ayurveda, um dos sistemas de cura mais antigos do mundo, com origem na Índia, a natureza funciona de forma cíclica. Vivemos sob a influência dos ciclos da vida, do dia e das estações do ano. Quanto mais entendemos estes ciclos e nos adaptamos a eles, mais perto ficamos de um estado de saúde e equilíbrio.

Ayurveda significa – ciência da vida – portanto não se trata apenas de um sistema médico, mas explica o conceito dos antigos Rishis ou Sábios acerca da constituição humana, da constituição do universo e como viver em harmonia com ele em busca dos objetivos fundamentais da vida que são: proteção (Dharma), conhecimento (Artha), felicidade (Kama) e libertação (Moksha) para conduzir-nos ao Prapti – a consciência da eterna aproximação à nossa essência. 

O Ayurveda parte do princípio védico, baseado na filosofia Sankhya, cujo ensinamento fundamental é a existência do Princípio Único, ou seja, tudo na natureza é formado por uma única substância (Prakritti) que se manifesta em cinco estados diferentes.

  • Terra (Prittivi)

  • Água (Apas)

  • Fogo (Tejas)

  • Ar (Vayu)

  • Éter (Akasha). 

Este princípio tem implicações universais, mas, especificamente para o trabalho do Ayurveda consideramos que a junção desses elementos forma os diferentes doshas que poderiam ser mais bem compreendidos numa linguagem moderna como “matrizes energéticas”.  

  • Os elementos terra e água se unem formando a energia chamada KAPHA responsável pela estrutura do corpo e da mente, pela nutrição e o sentimento de prazer pela vida.

  • Os elementos água e fogo se unem formando a energia chamada PITTA responsável pela digestão em todos os níveis – digestão mental (o claro entendimento), digestão física, digestão celular, o calor do sangue e seu funcionamento.

  • Os elementos ar e éter formam a energia chamada VATA responsável pelo fluxo dos pensamentos, o funcionamento do sistema nervoso e o movimento de todos os líquidos, impulsos nervosos e a homeostasia do organismo.

 Da mesma maneira que no momento da fecundação se forma nosso mapa genético que é determinante em nossas vidas, no conceito do Ayurveda também se forma, nesse mesmo momento, nosso mapa energético constituído pela junção dessas energias VATA, PITTA e KAPHA. Esse mapa energético forma um verdadeiro molde no qual toda a nossa estrutura física, energética, emocional, intelectual e espiritual se desenvolve ao longo de toda a nossa vida. Todos nós temos essas três energias porque elas são indispensáveis para nossa existência, mas cada ser humano possui uma proporção única delas. Isso significa que nascemos diferentes um do outro, sentimos as coisas de maneiras diferentes, reagimos ao mundo de maneiras diferentes; coisas que fazem bem a uma pessoa podem fazer mal a outra. Essas diferenças em nossos mapas energéticos originam os biótipos humanos.